10 dicas incríveis para escrever um artigo que apareça no Google

10 dicas incríveis para escrever um artigo que apareça no Google

Escrever um artigo para um blog, como qualquer outra escrita, requer certa habilidade. Para manter seu público interessado, você deve planejar a estrutura de sua publicação e criá-la com textos atraentes. Você pode ajudar seus leitores a compreender a ideia principal do seu artigo fazendo uso de títulos, subtítulos e parágrafos claros. Se as pessoas entendem e gostam do seu texto, elas estarão muito mais inclinadas a compartilhar, curtir, tuitar e linkar seu artigo. E isso irá melhorar seu posicionamento. Então, para melhorar sua classificação no Google, você deve definitivamente tentar maximizar suas habilidades de escrita!

Para algumas pessoas, escrever para propósitos de SEO ou escrever para atrair e cativar sua audiência podem ser dois objetivos contraditórios. Eu discordo totalmente com essa afirmação. De fato, se você não procura apenas criar um bom artigo de blog, mas também amigável para SEO, as palavras-chave que você deseja que sejam encontradas devem estar em um lugar de destaque. Mas repetir muitas vezes as suas palavras-chave, prejudica gravemente a legibilidade do seu texto. Então, você definitivamente não deve fazer isso.

Nesse artigo, eu gostaria de dar algumas dicas sobre a escrita de artigos de blog que são tanto atraentes quanto amigáveis para SEO. Eu verdadeiramente acho que esses dois objetivos podem (e facilmente podem!) andar lado a lado.

Dicas essenciais de escrita para boas postagens no blog

Antes de tudo, seu artigo do blog tem que ter uma boa escrita! Muitos redatores apenas começam a escrever quando criam um novo posto no blog. Eles apenas escrevem o que vem à mente. Para alguns, isso pode ser o suficiente porque eles são escritores naturalmente talentosos. Outros podem precisar de alguma ajuda. Eu sempre sigo as seguintes regras:

Pense antes de escrever!

Pense bastante sobre a mensagem que seu novo texto deverá passar. O que você quer dizer aos seu leitores ou qual a questão central que você deseja abordar? Qual a proposta de seu texto? E o que você quer que seus leitores façam no fim da página? Anote as respostas a essas perguntas antes de começar a escrever.

Anote a estrutura do seu novo artigo do blog

Comece seu artigo com a criação de uma estrutura clara. Todos os artigos devem ter:

  • Algum tipo de introdução (em que você apresenta o assunto do seu artigo);
  • Um corpo (em que a mensagem principal seja transmitida).
  • Uma conclusão (que deve resumir as ideias mais importantes ou expor alguma nova ideia).

Use parágrafos.

Todo mundo usa parágrafos, mas tenha certeza de usar parágrafos que façam sentido. Não inicie uma nova sentença em uma nova linha, apenas por que parece legal. Deve haver uma razão para fazer um novo parágrafo. Todos os parágrafos devem ter uma ideia principal ou um objeto principal. Pergunte a você mesmo qual é a ideia principal de cada parágrafo. Você deve poder transmitir a ideia principal em apenas uma frase. Se você precisa de mais frases, simplesmente você precisa de mais parágrafos.

Use Títulos.

Títulos estruturam toda a página, então você deve usá-los. Eles são importantes para a legibilidade, mas também para SEO. Títulos ajudam o Google a compreender os principais tópicos de um artigo longo e, portanto, eles podem ajudar no seu posicionamento. Se você quiser que as pessoas encontrem rapidamente os assuntos em seus artigos, você deve usar as subtítulos. Subtítulos conduzem as pessoas, ajudam elas a explorar sua página, e esclarecem a estrutura de seus artigos. Lembre-se também de utilizar sua palavras-chave em alguns subtítulos. Não em cada um deles, pois tornará o texto inelegível.

Use conectores.

Em gramática, conectores são expressões que num texto ligam palavras e frases. Conectores ajudam as pessoas a compreenderem a ideia principal do seu texto. Digamos, por exemplo, que existam três razões para que as pessoas comprem seu produto. Você deve usar conectores como: “primeiramente“, “em segundo lugar” e “finalmente“. Além disso, palavras como “mesmo assim”, “certamente” e “de fato” dão um sinal claro aos seus leitores. Os visitantes irão instantaneamente ter como conclusão o que vier após palavras como “consequentemente”, “então” ou “por essa razão”. Conectores são, portanto, muito importantes para estruturar seu texto.

Deixe outras pessoas lerem seu artigo.

Antes de publicar seu artigo, deixe alguém ler primeiro. Pergunte se ele entende a ideia principal do seu texto. Corrija erros e frases que não estão formuladas corretamente.

Otimize a extensão do seu artigo.

Tenha certeza de que seu artigo tenha no mínimo 400 palavras. O Google gosta de artigos longos, no entanto, se seus artigos forem muito longos, isso pode assustar os leitores. Então tente parar próximo de 1.000 palavras. E, como regra geral: Tente colocar seus termos de pesquisa em cerca de 1 a 2% de seu texto. Deste modo, em um artigo de 400 palavras, você deve mencionar suas palavras-chave de 4 a 8 vezes.

Insira links para os conteúdos anteriores.

Se você já escreveu algum conteúdo relacionado ao artigo atual, não esqueça de linkar para esses posts. Isso irá fazer seu artigo mais forte por que você mostrará alguma autoridade sobre o assunto. Além disso, esta estrutura de links é importante para sua classificação no Google. E claro, seus leitores podem utilizar estes links para visitarem os artigos relacionados também. Você pode ler nossa postagem sobre artigos estruturais se você quiser saber mais sobre isso.

Utilize negrito.

Tente destacar em negrito, suas palavras-chave e frases principais no meio do texto. Esse destaque permitirá que o leitor “corra o olho” pelo conteúdo de maneira que já compreenda o assunto abordado. Há quem defenda que esta prática ajude no ranqueamento do Google, na dúvida é mais um motivo para utilizar.

Adicione conteúdos regularmente.

A nossa última dica diz respeito a atualização constante do conteúdo do site. A adição regular de novos artigos com conteúdo original e bem estruturado, dirá ao Google que seu site está vivo. Sendo um site ativo, o Google irá rastreá-lo com mais frequência. Um site pouco ativo tende a perder posicionamento nas buscas.

Conclusão

A era em que alguns truques de SEO eram suficientes para obter um bom posicionamento do seu site no Google, se foi há muito tempo. Hoje em dia, o bom conteúdo é rei. E o bom conteúdo também leva a mais curtidas e compartilhamentos no Facebook, tweets e retorno de visitantes para o seu site. Claro, você pode fazer alguns ajustes extras para otimizar ao máximo as suas postagens para os motores de busca (SEO), porém o mais importante é criar um conteúdo muito, muito bom!

Publicado na(as) categoria(as) SEO, Triscele e visualizado 66 vezes.

Comentários para "10 dicas incríveis para escrever um artigo que apareça no Google".

  1. Adilson Nunes de Oliveira · PROFESSOR e MUSEÓLOGO: disse:

    Durante muitos anos , fui professor na Universidade da Região da Campanha- Campus de Dom Pedrito – lecionava Metodologia e Técnica de Pesquisa e um dos assuntos era exatamente a Redação de Artigos Científicos, então, por isso me atrevo a elogiar o presente texto, elaborado pela TRÍSCELE, com excelente qualidade e utilidade permanente . Parabéns, quero sempre receber textos que enriquecem nosso conhecimento. Todo o material que recebo, repasso aos colegas da museologia– sempre valorizando – – pois sou Coordenador da VI Região Museológica , do Sistema Estadual de Museus RS .

    1. Saty Jardim: disse:

      Sr. Adilson, são comentários como o seu que nos incentivam a publicar novos conteúdos em nosso blog. Agradeço imensamente pelo feedback e compartilhamentos. Se possuir alguma sugestão de pauta para abordarmos, por favor, sinta-se livre para enviar.
      Estamos sempre à disposição.
      Equipe Tríscele

Deixe o seu comentário. Queremos ouvir a sua opinião.

dezessete − 3 =