Plano Museológico: Museu Irmão Luiz Godofredo Gartner

Plano Museológico: Museu Irmão Luiz Godofredo Gartner
“O futuro talvez seja a dimensão de tempo em que melhor se enquadre o momento que o Museu Irmão Luiz Godofredo Gartner vive.” Joice Letícia Jablonski, historiadora

A Tríscele atuou na elaboração e acompanha a implantação do Plano Museológico do Museu Irmão Luiz Godofredo Gartner – Corupá/SC (2016-2021). O Museu tem investido na requalificação dos seus espaços e desenvolve programas e projetos que convergem para esta mudança, visto que se trata da primeira instituição museológica de Santa Catarina, inaugurada em 1933.

O Plano Museológico do Museu Irmão Luiz Godofredo Gartner evidencia os caminhos internos e externos e desnaturaliza algumas escolhas a partir da análise da própria história da instituição, oportunizando uma reflexão crítica sobre as práticas existentes, alçadas num processo de diagnóstico participativo. “A luz dos valores cristãos, o Museu Irmão Luiz Godofredo Gartner quer servir de instrumento para a promoção do humano e seu pleno desenvolvimento, tendo como missão preservar, conservar, expor e pesquisar os acervos históricos, artísticos e naturais da Congregação dos Padres do Sagrado Coração de Jesus, valorizando a história, a memória e as culturas”. (BAUER, 2015)

O Plano Museológico do Museu Irmão Luiz Godofredo Gartner foi elaborado por sob a coordenação do museólogo Jonei Bauer.

Plano Museológico do Museu Irmão Luiz Godofredo Gartner (2016-2021), 128 páginas.

O documento está estruturado em cinco seções, sendo quatro capítulos teórico-metodológicos e um introdutório com uma contextualização sobre esta ferramenta, alçada nas legislações patrimoniais.

Na primeira parte há uma Definição Institucional, apresentando um diagnóstico e histórico do acervo, dados gerais e de visitação, perfil de público, missão institucional e objetivos do Museu Irmão Luiz Godofredo Gartner.

No capítulo segundo se apresenta o Contexto Histórico e a terceira unidade está estruturada em um Diagnóstico Global da instituição, elencado por meio da Análise SWOT aplicada, além de apresentar os espaços do museu e suas plantas arquitetônicas.

Fale Conosco Agora via WhatsApp

A quarta seção é dedicada aos Programas e Projetos. Através da mensuração das pesquisas e dos diagnósticos que foram aplicados no Museu, elaborou-se vinte e seis projetos a serem executados pela instituição durante os próximos anos, distribuídos entre curto, médio e longo prazos, conforme a percepção definida pelo museu. Os projetos têm grau de importância e prioridade em consonância aos onze programas do Estatuto de Museus.

“O desenvolvimento das atividades envolveu o seu contexto histórico e os anseios já conhecidos pela equipe e principalmente, os ideais da administração do Seminário Sagrado Coração de Jesus – Congregação SCJ.” Bruna Eliza Winter, Bióloga

9

“Deste modo, com este Plano Museológico, que pautará as atividades do Museu Ir. Luiz nos próximos anos, nosso desejo maior é de que o museu contribua, a seu modo, e segundo sua missão, no processo de educação dos povos. No caminho… Incentivando a cultura, resgatando a história, promovendo o futuro e as pessoas, vislumbramos o museu.” P. Nilson Helmann, diretor

04-book-hard-cover-1

Fale Conosco Agora via WhatsApp

Publicado por na(as) categoria(as) Design, Documentação, Gestão, Legislação, Plano Museológico, Triscele.

Museólogo com mestrado em Turismo e Hotelaria. Desenvolve consultorias e pesquisas relacionadas a Serviços Turísticos, Planejamento do Turismo, Desenvolvimento Local e Turismo Cultural. Na área de Museologia, atua principalmente nos seguintes temas: Gestão Museológica, Design Gráfico, Expografia e Documentação Museológica. Pesquisa estudos em Patrimônio Imaterial, Patrimônio Industrial e Patrimônio Alimentar.

Comentários para "Plano Museológico: Museu Irmão Luiz Godofredo Gartner".

  1. Marly Cuesta · Gestora de Projetos em Ponto de Cultura e Associação de Mulheres Vitória-Régia: disse:

    Parabéns pelo trabalho e pelo plano! Conheço a ferramenta SWOT que ótima!

  2. Rosane Pertile · Professor de Artes em Prefeitura Municipal de São Francisco do Sul: disse:

    Também quero, um exemplar para o acervo da escola Municipar Álvaro Tancredo Dippold de São Francisco do Sul, sou professore de Artes e trabalho em sala de aula preparando os alunos para visitação de Museus, também o patrimônio histórico cultural daqui de São Francisco do Sul. Acredito muito nesse meu projeto e gostaria de receber um exemplar doado para a minha escola. Como posso fazer para que isso aconteça?

    1. Jonei Bauer: disse:

      Olá Rosane, obrigado pelo interesse no Plano Museológico. Nesse primeiro momento ele apenas está disponível para consulta local, pois se trata de uma ferramenta administrativa. Em nossos projetos delimitados, temos idealizado a construção de uma cartilha paradidática que será remetida aos profissionais de educação. O Museu, assim que possível, também entrará em contato com você para convidá-la a vir nos conhecer.

  3. Karina Muniz Viana · Diretoria de Patrimônio Cultural em Fundação Cultural de Curitiba: disse:

    Queremos comprar. Queremos ganhar. Qualquer coisa. Mas queremos um em nossa prateleira. Sistema Estadual de Museus do Paraná.

    1. Jonei Bauer: disse:

      Prezada Karina, nesse primeiro momento de implantação do Plano Museológico do Museu Irmão Luiz Godofredo Gartner ele foi idealizado apenas como uma ferramenta administrativa interna e que mais adiante poderá vir a ser disponibilizada. A consulta local está assegurada. Aguardamos você e o Sistema Estadual de Museus do Paraná a virem nos visitar.

  4. Marli Fávero · Universidade Federal de Santa Catarina: disse:

    Parabéns Jonei e equipe!!! Tem prá vender? Consigo um exemplar? Bjs

    1. Jonei Bauer: disse:

      Prezada Marli Fávero, obrigado pelas palavras de elogio. Certamente este Plano Museológico é um importante marco para os museus catarinenses. Este é apenas mais um passo de todos os projetos que temos pensado para o Museu Irmão Luiz Godofredo Gartner. Desde 2013 desenvolvemos parcerias que têm convergido em importantes ações museológicas para nossa “Santa & Bela Catarina”. Forte abraço e aguardamos a tua visita no nosso museu!

Deixe o seu comentário. Queremos ouvir a sua opinião.

três × três =

chat seta
fale com a Tríscele