Plano Municipal de Cultura

O Plano Municipal de Cultura é um documento formal que representa a política de gestão cultural de uma cidade. Nesse documento estão as ações culturais que se pretende desenvolver por um período de dez anos. O plano deve promover a igualdade de oportunidades e a valorização da diversidade das expressões e manifestações culturais.

A Tríscele desenvolve assessorias e consultorias técnicas para a elaboração e implantação de Planos Municipais de Cultura. Nossa metodologia é consonante à metodologia orientada pelo Ministério da Cultura e inclui todas as etapas necessárias para o Plano Municipal de Cultura. Sabendo que o município é o principal ator no apoio à valorização da cultura local, nós ajudamos as cidades estruturarem o seu próprio Plano Municipal de Cultura.

Elaboração de Plano Municipal de Cultura

É muito importante para uma cidade ou região ter um Plano Municipal de Cultura que estabeleça as ações de cultura para um período de dez anos. Isso significa gerar condições para desenvolver e preservar a diversidade das expressões culturais e promover o acesso a elas.

A finalidade dos Planos de Cultura é planejar programas, projetos e ações culturais que valorizem, reconheçam, promovam e preservem a diversidade cultural existente em cada uma das cidades. O Plano de Cultura é um documento preparado a muitas mãos e em muitas etapas.

Elaboração de Plano Municipal de Cultura - Tríscele

Diagnóstico e Planejamento Cultural

Diagnosticar a realidade da cidade é analisar a situação em que ela se encontra. Devemos saber de maneira ampla como está nossa cidade e como sua formação influencia na cultura local. No entanto, diagnosticar não é apenas saber como estamos, mas também quem somos e o que queremos ser. Em outras palavras, é primeiro identificar como chegamos à situação cultural em que se encontra a cidade e, em seguida, tentar definir como gostaríamos que ela estivesse.

E, para chegar a algum lugar em termos de política pública, é necessário traçar um caminho. Ou seja, é necessário planejar. A Tríscele tem desenvolvido um conjunto de procedimentos técnicos e metodológicos consonantes às orientações do Ministério da Cultura, cujo resultado subsidiam o Diagnóstico Cultural da cidade.

Diagnóstico de Referência Cultural

Na elaboração do Diagnóstico de Referência Cultural são utilizadas informações e dados socioeconômicos e de gestão pública. Os dados observados permitem a identificação e a caracterização de aspectos culturais locais. O Diagnóstico de Referência Cultural sintetiza as impressões de gestores públicos, artistas e produtores, lideranças locais e iniciativa privada sobre a realidade, os desafios e as potencialidades do cenário cultural local.

Inventário de Referência Cultural

Elaboração de Inventário Cultural da cidade, com base no Inventário Nacional de Referências Culturais (INRF). Trata-se de uma metodologia de pesquisa cujo objetivo, além de realizar um levantamento dos bens culturais de uma cidade, é o de produzir conhecimento sobre os domínios da vida social aos quais são atribuídos sentidos e valores e que, portanto, constituem marcos e referências de identidade para determinado grupo social.

Sistema Municipal de Cultura

A Tríscele é uma empresa de assessoria e consultoria técnica especializada para ajudar a sua cidade a criar e implantar o Sistema Municipal de Cultura. Após o Diagnóstico Cultural e a elaboração do Plano Municipal de Cultura, a prefeitura deve encaminhar à Câmara de Vereadores um projeto de lei criando o Sistema Municipal de Cultura. Esta lei define a estrutura e os principais objetivos dos cinco componentes obrigatórios do sistema. A Tríscele acompanha cada uma dessas etapas, com procedimentos metodológicos e técnicos, cujas diretrizes são orientadas pelo Ministério da Cultura.

1

Plano Municipal de Cultura

É o documento de planejamento para orientar a execução da política cultural da cidade. O Plano Municipal de Cultura precisa existir para o município conseguir se adequar ao Sistema Nacional de Cultura.

2

Conferência de Cultura

São encontros que visam reunir a sociedade civil e os representantes do poder público para que, em conjunto, elaborem políticas públicas culturais. É com a participação da comunidade local que o poder público conseguirá fortalecer a cultura porque estará de fato atendendo suas necessidades.

3

Órgão Municipal de Cultura

Seu papel é executar as ações previstas no Plano Municipal de Cultura. O órgão pode ser uma secretaria, uma fundação ou uma unidade gestora ligada a uma outra secretaria.

4

Conselho Municipal de Cultura

O Conselho Municipal de Cultura precisa ser implantado além de constituir comitês, fóruns e conferências. Nesses momentos é que a comunidade local pode contribuir com suas demandas e com a construção do Plano Municipal de Cultura.

5

Sistema Municipal de Cultura

Além do Plano Municipal é necessário também que o Município tenha instituído o seu Conselho Municipal de Cultura e leis de fomento ao segmento cultural. O Sistema Municipal de Cultura se constitui um fundo de recursos que ajuda no financiamento das ações e metas previstas no plano.

6

Observatório Social

Uma vez instituído o Sistema Municipal de Cultura, é importante o engajamento dos setores público e privado para o desenvolvimento pleno das ações planejadas durante todo o processo de sua implantação. A Tríscele desenvolve assessoria de monitoramento do Sistema Municipal de Cultura, apresentando os dados resultantes de todo esse processo.

Patrimônio Cultural

Segundo o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional - IPHAN, o patrimônio cultural de um povo é formado pelo conjunto dos saberes, fazeres, expressões, práticas e seus produtos, que remetem à história, à memória e à identidade desse povo.

Constituem patrimônio cultural brasileiro os bens de natureza material e imaterial, tomados individualmente ou em conjunto, portadores de referência à identidade, à ação, à memória dos diferentes grupos formadores da sociedade brasileira. O patrimônio cultural pode ser classificado quanto à sua natureza, que pode ser material ou imaterial.

Palestras Sobre Patrimônio

A Tríscele desenvolve oficinas, palestras e capacitações sobre temas relacionados ao Patrimônio Cultural. Abordamos temas diversos, tais como, conceitos de patrimônio, processos de tombamento e de reconhecimento patrimoniais, projetos para valorização, salvaguarda e manutenção de bens herdados, entre outros. O primeiro passo para o reconhecimento do patrimônio é a sensibilização da população.

Educação Patrimonial

A Tríscele desenvolve um conjunto de atividades educacionais centradas no Patrimônio Cultural que, a partir da experiência e do contato direto com as evidências e manifestações da cultura, em todos os seus múltiplos aspectos, sentidos e significados, busca levar à crianças e adultos o conhecimento, apropriação e valorização de sua herança cultural, capacitando-os para um melhor usufruto destes bens.

Patrimônio Imaterial

Patrimônio Imaterial - Prática Cultural

Os bens culturais de natureza imaterial dizem respeito àquelas práticas e domínios da vida social que se manifestam em saberes, ofícios e modos de fazer; em celebrações; nas formas de expressão; e, nos lugares, como mercados, feiras e santuários que abrigam práticas culturais coletivas.

A Tríscele desenvolve consultoria técnica especializada para cidades e seus grupos sociais que intentam atribuir o valor de patrimônio imaterial a uma determinada manifestação considerada de valor intrínseco a eles. Nossa metodologia consiste em diagnosticar, registrar, inventariar e propor legislações e projetos culturais no que diz respeito à preservação dos saberes, das celebrações, das formas de expressões e dos lugares.

Patrimônio Alimentar

A comida também é patrimônio! Antes que se deem por totalmente perdidas as receitas tradicionais, precisamos entender que a alimentação humana é muito mais do que um fato biológico, mas um ato social e cultural. Os produtos alimentares, bem como os objetos e conhecimentos usados na produção, transformação e consumo de alimentos, têm sido identificados como objetos culturais portadores da história e da identidade de um grupo social.

O objetivo é estimular a população a repensar a relação com os alimentos e lutar por um sistema alimentar mais justo, equitativo, saudável, sustentável e solidário. Além disso, a ideia é valorizar a identidade alimentar, presente nas especificidades das culinárias regionais do país, bem como nas dimensões social, cultural, econômica e política da alimentação. A Tríscele desenvolve consultoria técnica especializada para o registro de patrimônios alimentares.

Patrimônio Alimentar - Cuca

Nossos clientes

Atender com excelência e profissionalismo às demandas dos clientes, pelo desenvolvimento e oferta de produtos e serviços; garantir a satisfação de todos, com soluções e ideias inovadoras, criativas e originais, apresentando serviços de qualidade que superem expectativas.

Câmara de Vereadores de Rancho Queimado
Mério's Country Bar e Restaurante
Congregação dos Padres do Sagrado Coração de Jesus
Refrigerantes Pureza
Tabelionato Silva Jardim
Museu WEG de Ciência e Tecnologia
Prefeitura Municipal de Florianópolis
Fundação Cultural de Florianópolis Franklin Cascaes
Centro Vida Orgânica
Insignia Games
ZEN SA
Tigre

Contato

Se você tem um projeto na qual gostaria de falar, mande-nos uma mensagem. Vamos adorar ouvir suas necessidades e lhe apresentar a solução perfeita.

Endereço:


Rua Fernando Machado, 73 - sala 202
Florianópolis / Centro
Santa Catarina - Brasil
CEP: 88010-510

Fone:


+55 (48) 3025-7922
+55 (48) 99603-3282
+55 (48) 99610-6296

E-mail:


contato@triscele.com.br
museologia@triscele.com.br
chat seta
fale com a Tríscele